Aline Mariano é natural de Afogados da Ingazeira, Sertão do Pajeú. Filha de Antônio Mariano (ex-vereador, prefeito e deputado estadual por quatro mandatos) e Aldenice, vem de uma família de quatro filhos. É mãe de Magno Filho e João Pedro. Nascida em berço político é apaixonada pelos desafios da vida pública, foi atraída pelos movimentos sociais e embates políticos, de onde não pretende sair tão cedo.

Ainda na adolescência, ingressou nas discussões político-partidárias, sendo a primeira experiência de sua carreira política a eleição municipal de 2000, quando foi eleita, na cidade natal, a vereadora mais votada da história do município. À época, com apenas 24 anos, assumiu o seu primeiro mandato.

Com destacada atuação na área social, coordenou, em 2000, a I Conferência Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres e representou Pernambuco como delegada na I Conferência Nacional das Mulheres, que ocorreu em Brasília (DF). Na Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania, no governo Jarbas Vasconcelos, pode desenvolver diversas atividades na área. Também fez parte da Secretaria Estadual de Justiça, no mesmo governo.

Em 2005, foi convidada a integrar a Secretaria Estadual de Saúde, onde foi gestora de Atenção à Saúde da Mulher – época em que fortaleceu as políticas públicas voltadas ao gênero. Foi uma das fundadoras e idealizadora do Núcleo Integrado de Segurança e Atenção às Mulheres Vítimas de Violência (NISAM).

Em 2008, Aline Mariano assume a presidência municipal do PSDB em Recife e chega à Câmara Municipal do Recife (CMR) como a mais votada na coligação do partido tucano. Durante o mandato, foi presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal e fez parte do Colegiado da Comissão de Finanças e Orçamento da casa.

Em 2012, foi reeleita para a Câmara Municipal do Recife e reconduzida à presidência da Comissão de Direitos Humanos. Ainda na Câmara, foi recordista em audiências públicas, tem mais de 20 leis aprovadas na área social e foi a primeira mulher eleita para fazer parte da mesa diretora CMR.

À época, Aline Mariano foi apontada pelo Portal de Transparência Brasil como a parlamentar mais atuante e com proposição mais relevante do Recife. Em 2014, recebeu o prêmio Tacaruna Mulher, pelo destaque em Política, Economia e Negócios. Além do prêmio Dom Helder/Comitê da Cidadania em reconhecimento ao seu trabalho na área social.

Em março de 2015, foi convidada pelo prefeito Geraldo Julio para assumir a Secretaria de Enfrentamento ao Crack e Outra Drogas (SECOD) da Prefeitura do Recife, a primeira pasta dedicada exclusivamente à política sobre drogas. À frente da SECOD, como vereadora licenciada, Aline Mariano se dedicou a promover atenção, cuidados e prevenção às pessoas usuárias de drogas e/ou que estejam em situação de vulnerabilidade social. 

Em abril de 2016, Aline Mariano volta ao legislativo municipal disposta a dar continuidade as lutas que sempre defendeu, a abraçar as bandeiras das minorias e destinada a construir novos capítulos da história da nossa cidade. Legitimada pela terceira vez nas urnas, Aline inicia mais um mandato e é escolhida para ser a líder do governo na Câmara. O grande desafio é ajudar a desatar os nós na cidade, com projetos arrojados e inovadores, mas garantindo a manutenção dos serviços essenciais na ponta, sem deixar de reconhecer o momento de grave crise. Como líder do Governo, assume o compromisso de estar ao lado dos colegas parlamentares, buscando alternativas viáveis e ajudando à gestão. Sendo imprescindível ampliar e dinamizar as parcerias com os governos de todas as instâncias e a sociedade, com a permanente e indispensável cooperação do Poder Legislativo. Ao assumir  a liderança do governo municipal na Casa, Aline reafirma o compromisso de exercer com vigor o papel que a ela foi delegado. Ela prioriza o diálogo para encontrar o caminho do entendimento, pois a Casa, por excelência, é da representação democrática. Ambiente de interlocução necessária para debater os assuntos de interessa da cidade.

Em 2018, Aline Mariano é eleita por unanimidade para ser a presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher,  cujo objetivo é tratar todos os assuntos referentes ao gênero. Esse é um espaço importante para falar de conquistas, igualdade, feminicídio, exploração sexual e a distinção que acontece no mercado de trabalho. Também, promover a justiça social e a efetivação dos direitos.  Os desafios são grandes, mas quanto menor for a resistência das pessoas no sentido de questionar ou combater as pautas feministas, mais ampla e melhor será a efetivação de uma sociedade mais igualitária.  Aline quer mais empoderamento à mulher. Quer reforçar a consciência coletiva, expressada por ações para fortalecer as mulheres e desenvolver a equidade de gênero.


As informações acima são de responsabilidade do Gabinete da Vereadora Aline Mariano e foram atualizadas em 16 de Maio de 2018.